Sauvignon Blanc

  • História
  • Nota de Catacao

As cruzes de pedra situadas na periferia da terra receberam o nome de Santa Digna. Estas cruzes serviram para demarcar os territórios e simbolizava fortuna e proteção para aqueles que viajaram para países distantes.

A imagem de Santa Digna mantém o mais puro de nossa identidade, uma fusão da prosperidade e simplicidade do projeto chileno. Ela reflete a união da sua origem (cruz da prosperidade) com a cruz andina da América Latina, graças a continentes e culturas que nos acolheu há mais de 30 anos atrás.

Apresenta uma cor fresca de ouro pálido fresco e uma harmonia dos aromas que lembram frutas tropicais maduras em fundos de maçãs e erva-doce. O paladar é de seda, com boa estrutura acida e um final de boca prolongado.

Maridagem:

Peixe, Camarão, Paelha

Onde comprar
Compartilhe este vinho

Chardonnay

  • História
  • Nota de Catacao

As cruzes de pedra, situadas na periferia da terra, receberam o nome de Santa Digna. Estas cruzes serviram para demarcar os territórios e simbolizava fortuna e proteção para aqueles que viajaram para países distantes.

A imagem de Santa Digna mantém o mais puro de nossa identidade, uma fusão de prosperidade e simplicidade do projeto chileno. Ele reflete a união da sua origem (cruz da prosperidade) com a cruz andina da América Latina, graças ao continente e cultura que nos acolheu há mais de 30 anos atrás.

Cor amarela pálida brilhante com tonalidades esverdeadas. No aroma predomina a manga e o damasco, enriquecidas por matizes cítricos. Paladar com grande equilíbrio entre a densidade e acidez, com um gosto final frutado.

Maridagem:

Peixe ao forno, Peru, Frango

Onde comprar
Compartilhe este vinho

Cabernet Sauvignon Rosé

  • História
  • Nota de Catacao

As cruzes de pedra, situadas na periferia da terra, receberam o nome de Santa Digna. Estas cruzes serviram para demarcar os territórios e simbolizava fortuna e proteção para aqueles que viajaram para países distantes.

A imagem de Santa Digna mantém o mais puro de nossa identidade, uma fusão de prosperidade e simplicidade do projeto chileno. Ele reflete a união da sua origem (cruz da prosperidade) com a cruz andina da América Latina, graças ao continente e cultura que nos acolheu há mais de 30 anos atrás.

Cor de cereja. Notas perfumadas de ameixa e morango em fundos de toranja. Paladar de corpo intenso e fina acidez. Elegante e sensual evolução para um longo final de boca.

Maridagem:

Chacina, , Torta, Sushi

Onde comprar
Compartilhe este vinho

Carmenere

  • História
  • Nota de Catacao

As cruzes de pedra, situadas na periferia da terra, receberam o nome de Santa Digna. Estas cruzes serviram para demarcar os territórios e simbolizava fortuna e proteção para aqueles que viajaram para países distantes.

A imagem de Santa Digna mantém o mais puro de nossa identidade, uma fusão de prosperidade e simplicidade do projeto chileno. Ele reflete a união da sua origem (cruz da prosperidade) com a cruz andina da América Latina, graças ao continente e cultura que nos acolheu há mais de 30 anos atrás.

Cor cereja e aromas finos de amora, com notas balsâmicas de eucalipto, culminando num delicioso toque de tangerina. O paladar é elegante, com taninos doces que dão matizes de couro e especiarias. O envelhecimento em roble francês proporciona agradáveis ​​fundos torrados.

Maridagem:

Carne, Sopa, Peixe ao forno

Onde comprar
Compartilhe este vinho

Cabernet Sauvignon

  • História
  • Nota de Catacao

As cruzes de pedra, situadas na periferia da terra, receberam o nome de Santa Digna. Estas cruzes serviram para demarcar os territórios e simbolizava fortuna e proteção para aqueles que viajaram para países distantes.

A imagem de Santa Digna mantém o mais puro de nossa identidade, uma fusão de prosperidade e simplicidade do projeto chileno. Ele reflete a união da sua origem (cruz da prosperidade) com a cruz andina da América Latina, graças ao continente e cultura que nos acolheu há mais de 30 anos atrás.

Cor rubi, com reflexos de fogo. Aroma varietal requintado, fundos ricos em couro e alcaçuz. O paladar é caracterizado por taninos sedosos e o elegante final de boca.

Maridagem:

Carne, Chacina, Torta, Codorniz

Onde comprar
Compartilhe este vinho

Syrah

  • História
  • Nota de Catacao

As cruzes de pedra, situadas na periferia da terra, receberam o nome de Santa Digna. Estas cruzes serviram para demarcar os territórios e simbolizava fortuna e proteção para aqueles que viajaram para países distantes.

A imagem de Santa Digna mantém o mais puro de nossa identidade, uma fusão de prosperidade e simplicidade do projeto chileno. Ele reflete a união da sua origem (cruz da prosperidade) com a cruz andina da América Latina, graças ao continente e cultura que nos acolheu há mais de 30 anos atrás.

 

Desde a nossa chegada no Chile em 1979 começamos experimentos vitícolas com diferentes variedades. Uma delas, a Shiraz, não parecia achar em Curicó um melhor habitat e, portanto, após os anos, chegamos até Linares, 140 km.  ao sul. Lá, em solos pobres e bem drenados, a Shiraz rende escassa, mas excelentes colheitas de uva. Apreciar a cor púrpura e intensa, e o aroma com notas de pequenos frutos pretos, violeta e groselha.

O envelhecimento em roble francês oferece finos fundos torrados e de baunilha

Maridagem:

Carne, , Sushi

Onde comprar
Compartilhe este vinho

Sauvignon Blanc Alcohol Free

  • História
  • Nota de Catacao

Maridagem:

Marisco, Peixe,

Onde comprar
Compartilhe este vinho